quinta-feira, 28 de julho de 2016

Balança digital - Cálculo valor nutricional dos alimentos

Esta semana falo-vos a balança Sky Scales 741S-E da Redmond que adorei. À primeira utilização é uma simples, mas boa e precisa balança digital até 5 kgs, que permite fazer tara e marcar um cronómetro. Mas o mais interessante veio depois! Instalei a app gratuita da balança no smartphone e assim pude utilizar uma nova funcionalidade: cálculo do valor nutricional dos alimentos.

O método é simples, pesamos o alimento, sincroniza automaticamente com o smartphone, no smartphone seleccionamos o alimento da lista enorme disponível, e automaticamente calcula o valor nutricional para aquele alimento. O melhor é que podemos ir adicionando os restantes alimentos e assim ficar com o valor nutricional da receita que iremos confeccionar. Esta funcionalidade é excelente na contagem de calorias, hidratos, proteína e/ou gordura. Excelente, prático e muito intuitivo. Deixo-vos umas imagens com ingredientes diferentes do habitual, para que vejam que mesmo estes estão facilmente disponíveis nas opções.

1- O equipamento em questão:


2- Os ingredientes a pesar (trigo sarraceno, amêndoa, ameixa, cacau em pó).


3- A pesagem da amêndoa sincronizada com o smartphone.


4-  No smartphone a escolher o ingrediente: almond (amêndoa).


5- Opção seleccionada, adicionar e passar ao seguinte.


6- Cacau já pesado e adicionado.


7- Todos os ingredientes adicionados e o valor nutricional total abaixo.


O que acharam? Eu adorei! Excelente para quem quer controlar o que come e contabilizar os diversos grupos, sejam num batido ou numa receita mais complexa.


Espero que gostem desta pequena review. Eu vou ali brincar mais um bocadinho!

sexta-feira, 22 de julho de 2016

[Paleo] Waffles de amêndoa e coco

Estes waffles são deliciosos e muito rápidos de preparar. As minhas filhas adoraram! É muito fácil de alimentar as nossas crianças sem aditivos e processados :)


180 g manteiga de amêndoa ou coco (ou coco e amêndoa)
Metade de 1 banana
2 ovos
1 colher de sobremesa de óleo de coco Origens Bio
80 ml de leite de coco Origens Bio
1 colher de café de bicarbonato de sódio
pitada de sal

1. No robot Optimum ThermoCook, colocar todos os ingredientes e seleccionar 20 seg., vel.6. Podem em alternativa utilizar uma batedeira ou varinha mágica, e bater até que fique homogéneo.
2. Ligar a máquina de waffles, untar com um pouco de óleo de coco e deixar aquecer.
3. Colocar 2-4 colheres de sopa da massa (dependendo do tamanho pretendido), fechar e deixar cozinhar aproximadamente 4 minutos.


Servi com mirtilos macerados, framboesas frescass, queijo fresco Montiqueijo e mel de rosmaninho! Um pequeno-almoço perfeito! 

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Iogurte grego

Tenho feito iogurte grego em casa, onde utilizo leite biológico, garantindo assim uma melhor qualidade dos iogurtes. Normalmente utilizo o iogurte biológico do Lidl. Idealmente, deveria utilizar-se leite biológico pasteurizado, mas não se encontra (tanto quanto sei) à venda em Portugal, esta é, na minha opinião, a segunda melhor opção: leite biológico UHT.

Para fermentar o iogurte utilizo a iogurteira do Lidl que apresento na foto abaixo. Podem fermentar envolto numa manta, no forno, na iogurteira, na Bimby, onde quiserem. O processo é o mesmo: misturar, fermentar e coar. 


Ingredientes:

1 litro de leite BIO
100 ml de natas (uso frescas do Aldi)
100-125 g iogurte

Preparação:

1. Misturar todos os ingredientes. Colocar na iogurteira (ou o método eleito) e deixar fermentar 8 horas.
2. Colocar no frigorífico até arrefecer.
3. Deixar coar algumas horas (para tal, utilizo o cesto coador da iogurteira).



Com o soro podem: 

- utilizar para cozinhar em substituição de água
- utilizar em pão, bolos em substituição de água ou leite

Com o grego também podem: 

- utilizar em molhos em substituição de natas
- utilizar em sobremesas e bolos em substituição de natas ou iogurte natural

Espero que gostem!

terça-feira, 19 de julho de 2016

Bochechas de vaca bem apuradas

Na minha página de facebook já vos falei desta empresa que comercializa carne de pasto natural com bolota, com entrega em alguns locais do país: Solar da Giesteira. A vaca, vitela e vitelão, produto próprio, é produzida num sistema que resulta na produção de carne de excelente, indescritível qualidade.

Não sou vegetariana, mas evito comer carne de produção intensiva, acredito que devemos consumir carne de animais que viveram bem. A minha área de licenciatura é Engenharia Zootécnica (produção animal), e o mestrado é em Qualidade da Carne, portanto, há algum tempo que tenho esse cuidado e essa preocupação.

Estas bochechas são uma excelente opção, que quando bem cozinhada fica TOP. Cozinhei na minha Multicooker Remond modelo RMC-PM4506E, com a função de pressão, e a carne até se desfazia. Um sonho! 


Bochechas:

Azeite q.b. (50 ml aprox.)
2 cs banha de porco
2 bochechas de vaca
1 cebola
2 cenouras
2 tomates grandes - triturados em polpa
1 chávena de vinho tinto
1 chávena de água
1/2 colher de sobremesa de Cacau crú Ox Nature
sal a gosto
pimenta a gosto
1 colher de sobremesa de polvilho doce (opcional)

1. Colocar o azeite, banha, cebola picada e bochechas na taça da Multicooker e seleccionar o programa Fry/Deep Fry e deixar ganhar cor (aprox. 5 minutos)
2. Adicionar todos os ingredientes, excepto o polvilho, e com a tampa colocada com pressão, seleccionar o programa Stew/Pilaf durante 1 hora. Findo esse tempo, abrir, virar, e, no meu caso, seleccionei mais 30 minutos. 
3. Retirar as bochechas e as cenouras, dissolver o polvilho num pouco do molho, adicionar ao restante molho e seleccionar no programa Fry/Deep Fry, de modo a engrossar o molho a gosto. 

Fica delicioso! E o cacau dá um toque maravilhoso ainda que não seja identificável a origem! TOP! 

Para o puré fiz esta receita, onde subtitui alguma da curgete por batata-doce e ficou delicioso: http://ostemperosdaargas.blogspot.pt/2016/04/froothie-pure-de-batata-doce-e.html


Acompanhem o instagram da Redmond aqui: Link

E o site, aqui, com promoções e ofertas frequentes: Link

Espero que gostem!



quarta-feira, 13 de julho de 2016

Taças de chocolate, mascarpone e frutos vermelhos

No passado fim-de-semana fiz esta sobremesa para um almoço e ficámos surpreendidos pois ficou de facto magnífica! E quem diria, totalmente Paleo: sem açúcar refinado!



Bolo Merengado de cacau e coco:


2 claras de ovo
baunilha q.b.
60 g açúcar de coco Ox Nature 
1 cs polvilho doce
1 colher de sopa de cacau Ox Nature


1. Ligar o forno a 250ºC.
2. Bater as claras em castelo até ficarem firmes.
3. No robot pulverizar o açúcar de coco, o polvilho e o cacau até ficarem mais finos (30 seg., vel. 9 no Optimum ThermoCook da Froothie).
4. Adicionar os restantes ingredientes às claras, lentamente e batendo sempre até ficar em ponto firme.
5. Esticar sobre uma folha de papel vegetal e levar a forno a 150ºC durante 1 hora ou até ficar cozido. Deixar arrefecer no forno algumas horas até utilizar.

Mousse de chocolate e mascarpone:

Fiz no Optimum ThermoCook (Bimby ou Yammi será igual):

125 g chocolate 85 % cacau
4 ovos
3 colheres de sopa de açúcar de coco Ox Nature 
100 g de mascarpone Galbani
125 g natas

1. Colocar o chocolate no copo e pressionar a tecla turbo várias vezes até pulverizar o chocolate.
2. Adicionar as gemas e o açúcar de coco e seleccionar 4 min., 70ºC, vel.1.
3. Adicionar o mascarpone e o iogurte grego e seleccionar 15 seg., vel 4.
4. Entretanto bater as claras em castelo.
5. Incorporar as claras. Levar ao frigorífico algumas horas antes de servir.

Cobertura de mascarpone e natas: 

200 g natas 
100 g de mascarpone Galbani
2 colheres de sopa de mel 

1. Bater as natas até ficarem firmes.
2. Adicionar o mascarpone e bater até incorporar.
3. Adicionar o mel a pouco-e-pouco, batendo sempre. Rectificar a quantidade se necessário. 

Montagem: 

Frutos vermelhos congelados 

1. Começar por partir o bolo no fundo da taça. Regar com frutos vermelhos. 
2. Colocar mousse, e depois com o saco pasteleiro colocar o creme de mascarpone e natas.
3. Espalhar mais frutos vermelhos e mais uns pedacinhos de bolo. Colocar no frio e servir bem fresco.


Podem também servir numa taça grande, de qualquer modo ficará lindo e delicioso! 


Espero que gostem! 


quinta-feira, 7 de julho de 2016

Omelete com mozzarella e espinafres

Por vezes apetece algo mais rápido de preparar e ficamos sem ideias do que fazer e uma omelete faz uma refeição tão boa! Gosto de saltear uns legumes, queijo abundante e acompanhar com salada. Esta estava perfeita!


1 cenoura bio
1 punhado de espinagres
Meia cebola
Sal e pimenta q.b.
Azeite virgem extra
2 ovos caseiros de preferência
Sal e pimenta q.b.
Queijo Mozzarella Gran Tradizione da Galbani




1. A preparação é muito simples, primeiro salteei a cebola em azeite até ficar translúcida.
2. Adicionei a cenoura ralada e os espinafres, salteei até ficarem cozinhados.
3. Adicionei os ovos batidos, temperei com sal e pimenta e coloquei 3 rodelas de mozzarella. Deixei cozinhar em lume brando até ficar cozinhado desse lado, depois virei com cuidado e deixei terminar de cozinhar. 
4. Simples assim, depois acompanhei com uma salada de tomate. 

Tomate 
Sal e pimenta q.b.
Azeite virgem extra


Cortei o tomate utilizando a placa de lâminas grossas da mandolina Borner, depois temperei.

Servi tudo decorado com manjericão! Assim se come em Paleo :) Espero que gostem!